Imprimir esta página
05 maio

PAREDES - Detenção por violência doméstica

Escrito por 
O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Especificas de Penafiel, no dia 2 de maio, deteve um homem de 62 anos, pelo crime de violência doméstica, no concelho de Paredes.
Durante a investigação de um processo de violência doméstica, a GNR apurou que o agressor exercia violência psicológica e física sobre a vítima, a sua esposa de 58 anos, assim como contra um dos filhos do casal, homem de 39 anos, que coabita com os pais, sendo esta uma vítima especialmente vulnerável, em razão da sua doença, uma vez que sofre de grandes dificuldades de locomoção.
 
O agressor já tinha beneficiado de suspensão provisória do processo, pois já foi arguido num outro processo-crime por violência doméstica, contra as mesmas vítimas, tendo a suspensão terminado no passado mês de fevereiro. 
 
O detido  foi presente a 1º Interrogatório Judicial, no Tribunal de Instrução Criminal de Marco de Canaveses, tendo ficado sujeito às medidas de coação de proibição de contactar as vítimas por qualquer forma ou meio.