27 setembro

PENAFIEL - CDS LAMENTA QUE RIO SOUSA SEJA USADO COM FINS PROPAGANDÍSTICOS POR ALGUNS PARTIDOS

Escrito por 
Dia 25 de setembro, dia mundial dos rios. O objetivo desta data, criada em 2005, é o da promoção e preservação dos rios ao nível mundial, aumentando o conhecimento das populações sobre os mesmos. Pretende-se promover a reflexão e sensibilização das populações por forma a que participem efetivamente na defesa e recuperação dos rios. Não só neste dia, mas durante todo o ano. O CDS-Penafiel, associa-se a esta comemoração, tendo a plena consciência da importância que estes cursos de água doce 
têm no ecossistema evolvente e consequentemente no nosso planeta. Foi com grande satisfação, que independentemente da cor partidária ou ideologia política, assistiu à assinatura do Memorando de Entendimento Intermunicipal por 4 Municípios com vista à preservação, vigilância e recuperação de diversas zonas do Rio Sousa.
 
A proteção e preocupação ambiental, é e deverá ser sempre, uma prioridade das populações, dos grupos de cidadãos, dos autarcas e do Governo central. Porém, o CDS- Penafiel, lamenta que a temática ambiental e os problemas ambientais - nomeadamente os do Rio Sousa -sejam usados e apropriados com fins propagandísticos por alguns partidos. O que o CDS-Penafiel lamenta, é que alguns partidos políticos se aproveitem de movimentos cívicos para fazerem agenda política. Para que não haja dúvidas, referimo- nos ao Bloco de Esquerda e ao PAN que mostraram claramente que as suas preocupações não são ambientais, mas sim políticas.
 
Estes dois partidos, evidenciaram claramente a suas intenções políticas, apropriandose de um movimento de natureza cívica e espontânea que nasceu no seio da população. O CDS- Penafiel espera e deseja que estes partidos, após a campanha eleitoral, continuem a participar em movimentos que pressionem o governo a tomar ações concretas que protejam não só o Rio Sousa, mas todos os rios do nosso país. Chamar a si o que não é seu, certamente não é a melhor forma de ajudar o ambiente, nomeadamente o Rios Sousa.