03 outubro

FELGUEIRAS - 1º CICLO DE CONCERTOS DE ÓRGÃOS DE TUBOS

Escrito por 
A ACLEM – Artes, Cultura e Lazer, Empresa Municipal em parceria com o Conservatório de Música de Felgueiras promovem o 1º Ciclo de Concertos de Órgãos de Tubos no concelho de Felgueiras.  De 12 de outubro a 10 de novembro, pretende-se promover os três órgãos de tubos existentes no concelho, designadamente nas igrejas de Caramos, Sendim e no Mosteiro de Pombeiro.
O Ciclo de Concertos de Órgão de Tubos, insere-se na programação da agenda cultural de outono, visa promover a arte musical e o património arquitetónico e eclesiástico existente no concelho de Felgueiras, nomeadamente os três órgãos de tubos existentes, nas igrejas de Caramos, Sendim e no Mosteiro de Pombeiro.
 
A primeira atuação realizar-se-á no dia 12 de outubro, pelas 21h30, na Igreja de Sendim e será protagonizada pelo organista Tiago Ferreira e pelos trompeters Rúben Castro e Fernando Ribeiro.
 
O segundo concerto tem data marcada para 26 de outubro, pelas 21h30, no Mosteiro de Pombeiro, contando com a atuação do organista Pedro Monteiro e da soprano Eva Braga Simões.
 
O encerramento deste ciclo de concertos, acontecerá no dia 10 de novembro, pelas 17h00, na Igreja de Caramos, e contará com o organista Ricardo Toste e o violinista Tiago Abreu.
 
A vereadora da Cultura, Ana Medeiros, refere que, “Depois do sucesso do concerto que aconteceu em abril no Mosteiro de Pombeiro, protagonizado pelo organista Rui Fernando Soares, aquando da cerimónia de encerramento da X edição do festival de pão de ló e doces tradicionais, é chegada a hora de retomar estes maravilhosos concertos de música clássica, descentralizando a agenda cultural de outono às freguesias, e, tirando partido do riquíssimo património eclesiástico, colocamo-lo nas mãos de artistas conceituados, que nos transportam numa recomendável viagem, acessível a todos, a momentos de exaltação de arte e cultura. Esperamos ainda que estes concertos despertem a todos a vontade e a curiosidade de visitar as igrejas da Rota do Românico”
 
Refira-se que Felgueiras é um extraordinário reduto de arte românica. A Igreja de Airães, a Igreja Matriz de Unhão, a Igreja de Sousa, a Igreja de S. Mamede de Vila Verde, e a Igreja do Mosteiro de Pombeiro fazem parte do ambicioso projeto da Rota do Românico do Vale do Sousa do qual no Município de Felgueiras faz parte integrante.