14 dezembro

PENAFIEL - MUNICÍPIO CONGRATULA-SE PELO RECONHECIMENTO DAS "VIRTUDES HERÓICAS" DO PADRE AMÉRICO

Escrito por 
Vaticano dá o primeiro passo para a beatificação de padre Américo.  O Município de Penafiel congratula-se pela decisão do Papa Francisco em aprovar o decreto que reconhece as “virtudes heróicas” do padre Américo, penafidelense nascido na freguesia de Galegos, em 1887, e fundador da “Obra da Rua”.
A agência Ecclesia informou que “a publicação do decreto sobre as “virtudes heróicas” foi autorizada pelo Papa Francisco após uma audiência com o prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, cardeal Angelo Amato.”
 
Segundo o Vaticano, “Esta aprovação é um passo decisivo no processo com vista à beatificação de Padre Américo. O reconhecimento das “virtudes heróicas” é necessário no processo para a beatificação — iniciado em 1986 – ficando a faltar o reconhecimento de um milagre atribuído à intercessão do padre Américo.”
 
Américo Monteiro de Aguiar nasceu a 23 de outubro de 1887 em Galegos/Penafiel. Dedicou a sua vida aos mais carenciados, principalmente jovens. Criou a primeira “Casa do Gaiato” em Miranda do Corvo, em 1940. A “Obra de Rua” conta ainda com o “Calvário” e o “Património dos Pobres”. Faleceu em 1956, vítima de um acidente de carro.