17 outubro

PENAFIEL | “BAIRRO DOS LIVROS” COM SESSÃO DUPLA NO ESCRITARIA 2020

Escrito por 
Cooperativa cultural apresenta documentário sobre código secreto dos trolhas e pedreiros de Penafiel e convida comunidade para uma visita ao imenso património literário do território. A cooperativa cultural cultural “Bairro dos Livros está de volta ao Festival Literário Escritaria com a apresentação do documentário “Escrita pela pedra”, com leituras de Aurelino Costa, e o lançamento do “Mapa dos Livros. Guia Literário de Penafiel”, com apresentação de Adelaide Galhardo e Germano Silva. 
Estas iniciativas fazem parte do programa oficial do Escritaria e decorrem no dia 22 de Outubro, às 21h30, no Cinemax, em Penafiel, e com transmissão em direto nas redes sociais. 
Escritaria com estreia de documentário sobre o código secreto dos trolhas e pedreiros de Penafiel 
O documentário "A escrita pela pedra" resulta de uma investigação sobre a Lhotra, código oral penafidelense criado pelos trolhas e pedreiros locais para comunicarem entre si. O documentário tem estreia no dia 22 de outubro, no âmbito do festival literário, com exibição no Cinemax.
Trata-se de uma ideia do “Bairro dos Livros”, documentada por Joana Mesquita Alves e Victor Carvalho e a participação especial do escritor Aurelino Costa, que é promovido pela Câmara Municipal de Penafiel, e pretende dar a conhecer a forma como a Poesia e a arte do trolha e do pedreiro se cruzam num mesmo gesto criador e como a sua compreensão pressupõe o domínio de uma cifra secreta.
O fenómeno da Lhotra é anterior aos anos 40 e nasceu para assegurar a coesão e a defesa da classe profissional. O código linguístico, que era aprendido no exercício do ofício e cujo domínio era tão importante como o conhecimento das ferramentas de trabalho, extravasa os limites da obra de construção civil. Em Lhotra falava-se do corpo, da comida, da vida quotidiana e o código secreto servia para nomear também aquilo que era matéria do sonho e estava fora do alcance do povo.
No final do século XX, a Lhotra praticamente desaparece e o seu vocabulário é lembrado apenas por alguns. Hoje, são já muito poucos os falantes de um código nunca escrito, que nasceu da educação pela pedra.
 
Festival Literário apresenta "Mapa dos Livros. Guia Literário de Penafiel"
 
O "Mapa dos Livros. Guia Literário de Penafiel" é uma proposta de visitação de Penafiel que pretende dar a conhecer o património literário do território, atravessando séculos de história, escritores, locais e personagens dos livros. A primeira edição da obra é apresentada por Germano Silva e Adelaide Galhardo, no dia 22 de outubro, também no Cinemax, em Penafiel. 
O roteiro, com ilustração de Mariana Dimas e criado pelo “Bairro dos Livros” para o Município de Penafiel, é um convite ao leitor para explorar o concelho pelo olhar dos autores penafidelenses, mas também a partir dos inúmeros escritores que aqui escolheram viver ou que por aqui passaram.
Cada episódio curioso e divertido deste objeto editorial é também um mote para conhecer mais sobre a Literatura Portuguesa, que culmina em anos mais recentes com a já tradicional realização do Escritaria, desde 2008. Como explica Antonino de Sousa, Presidente da Câmara Municipal de Penafiel, o “Escritaria corresponde a um desígnio que tem as suas raízes na história literária do concelho”.