×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 296
06 abril

Convívio no Centro Social e Cívico “ Viver S. Martinho “

Escrito por 

 

O Centro Social e Cívico “ Viver S. Martinho “ apresentou ontem, em cerimónia bastante participada e realizada na sede da Junta de Freguesia, o espaço onde vai dar inicio à sua primeira actividade, “ Tardes de Convívio “, uma iniciativa de lazer, orientada para a população mais idosa da freguesia, numa resposta social que vai contribuir para a valorização dos utentes e proporcionando ainda, a partilha de conhecimentos e experiências, num ambiente de saudável convivialidade.

Para além dos responsáveis da instituição e elementos da Junta de Freguesia local, marcaram presença o presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva, Gonçalo Rocha, e o Reverendo Padre Sérgio Fernando, que procedeu à bênção do novo espaço, localizado numa das salas da autarquia, que vai acolher diversas actividades de lazer e de entretenimento, numa acção planeada para potenciar uma vivência mais alegre e saudável aos utentes que vão frequentar esta valência da nova instituição, que está já a projectar a construção, num terreno cedido pelo município, de um espaço polivalente onde vai acolher outros serviços e actividades de apoio social.

 O autarca Agostinho Monteiro, que também é o presidente da instituição, evidenciou a sua satisfação por dar inicio a este serviço para os mais idosos, destacando o trabalho empenhado que tem sido efectuado para que a associação  “Centro Social e Cívico “ Viver S. Martinho “ seja uma realidade e possa vir, a breve prazo, a ser uma mais valia para a freguesia, fazendo uma retrospectiva daquilo que até ao momento já foi conseguido, não deixando de agradecer a colaboração de todos, desde a Junta de Freguesia, à Câmara Municipal, à Comissão Fabriqueira, à população e patrocinadores que tem disponibilizado apoio para as acções de angariação de fundos já realizadas.

Depois de louvar o trabalho que está a ser desenvolvido pela associação Centro Social e Cívico “ Viver S. Martinho “, o presidente Gonçalo Rocha realçou a importância da iniciativa, na perspectiva de garantir ao utente o bem-estar físico, mental, emocional, social e moral, promovendo a sua qualidade de vida, ao mesmo tempo que louvou este gesto e esta oportunidade, porque é mais uma forma de combater o isolamento e a solidão do idoso, não cortando todavia, com os laços familiares, criando factores de estabilidade e retardamento do envelhecimento, caracterizando no contexto desta resposta social, estes factores como muito importantes para o equilíbrio emocional da pessoa idosa.

A festa de apresentação, que contou com a participação de um Quarteto de Trompetes da Academia de Musica de Castelo de Paiva, terminou com um lanche convívio nas instalações do Salão Paroquial de S. Martinho, onde todos se juntaram e fizeram questão de enaltecer o trabalho que está a ser protagonizado pela equipa liderada por Agostinho Monteiro nesta fase de arranque da associação.