Imprimir esta página
03 março

PAREDES - PCP apresentou uma moção sobre os transportes na área metropolitana e o valor do passes

Escrito por 

Na última Assembleia Municipal de Paredes, o eleito do PCP apresentou uma moção sobre os transportes na área metropolitana e o valar do passes, que a seguir é transcrita: "O Orçamento do Estado para 2019 contempla verbas para apoio à redução tarifária na utilização de transportes públicos. 

Trata-se de uma medida importante de estímulo à utilização de transporte público com importantes vantagens na vida das populações e no ambiente. De entre as medidas previstas para a Área Metropolitana do Porto destaca-se a introdução do “Passe único” , um único título disponível nos vários meios de transporte público de toda a Área Metropolitana. Valorizando o objectivo e preocupada com a sua aplicação e alcance, a Assembleia Municipal de Paredes defende que ao nível dos Órgãos Metropolitanos e do governo se garanta que: a) São asseguradas todas as medidas para a introdução do Passe Único no dia 1 de abril de 2019, conforme previsto no Orçamento do Estado b) Nenhum percurso ou título, ocasional ou assinatura, pode ver o seu valor aumentado, devendo os atuais títulos Z2 e Z3 ficar incluídos no escalão de menor valor, com assinatura mensal até 30 Euros. Paredes, 22 de fevereiro de 2019 Moção apresentada pela CDU – Coligação Democrática Unitária" Esta foi aprovado por maioria, só com o insólito e não justificado voto contra do Presidente da Junta de Freguesia de Vandoma (PS). A Comissão Concelhia de Paredes do PCP, aguarda que a Câmara Municipal de Paredes faça pressão junto do Conselho Metropolitano do Porto para que estas medidas sejam alargada ao concelho.