All for Joomla All for Webmasters

Relações Públicas do Comando Territorial da GNR Porto

O Comando Territorial do Porto, através do Destacamento de Trânsito de Penafiel, no dia 8 de agosto, resgatou um canídeo ferido, na EN15 – Caíde de Rei, no concelho de Lousada. Na sequência de uma denúncia por parte de populares, foi dado o alerta para presença de um cão a vaguear pela estrada nacional n.º 15, tendo os militares encontrado o animal ferido, com um corte no pescoço e com sinais de desidratação.
Dois ficaram sujeitos à medida de coação de prisão preventiva e os restantes a apresentações bissemanais no posto policial da área de residência. Os indivíduos foram detidos pela GNR de Amarante, por tráfico de produtos estupefacientes.  O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal de Amarante, no passado dia 4 de agosto, deteve cinco homens com idades compreendidas entre os 16 e os 25 anos, pelo crime de tráfico de estupefacientes, nas localidades de Amarante e Lixa.
O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Marco de Canaveses, no dia 3 de julho, apreendeu 21 artigos contrafeitos, na localidade de Marco de Canaveses. No âmbito de várias denúncias feitas por populares a informar que alguns indivíduos andariam a praticar a venda de produtos contrafeitos,
O Comando Territorial do Porto, através do Destacamento Territorial de Felgueiras, ontem, dia 4 de junho, apreendeu 834 artigos contrafeitos, no concelho de Felgueiras. No âmbito de uma fiscalização efetuada na feira semanal na localidade de Vila Cova da Lixa, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos, os militares fiscalizaram uma bancada, que tinha exposto para a venda vários artigos contrafeitos de
O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Marco de Canaveses, ontem, dia 3 de junho, apreendeu 783 peças de material contrafeito, no concelho de Marco de Canaveses. No âmbito de uma fiscalização efetuada na feira quinzenal naquela localidade, visando essencialmente o combate à contrafação, ao uso ilegal de marca e à venda de artigos contrafeitos, os militares fiscalizaram uma bancada, que tinha exposto para a venda vários artigos contrafeitos de várias marcas conhecidas, nomeadamente, 439 pares de meias, 234 t-shirts, 69 boxers e 41 fatos de treino.
O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Marco de Canaveses,  constituiu arguidos dois homens, de 37 e 45 anos, por tráfico de estupefacientes, no concelho de Marco de Canaveses. No âmbito de uma denúncia, em que vários indivíduos entravam e saíam de um edifício em construção, os militares deslocaram-se ao local, tendo identificado uma mulher e sete homens, com idades entre os 25 e os 50 anos, em que dois dos quais são suspeitos de tráfico de estupefacientes, resultando na apreensão de:
O Comando Territorial do Porto, através do Posto Territorial de Lousada, ontem, dia 6 de maio, identificou um homem, com 39 anos, pelo crime de exploração e prática de jogo ilegal, no concelho de Lousada. Numa operação de fiscalização a estabelecimentos, a GNR detetou num café várias máquinas de jogo ilegal, tendo sido apreendidas quatro máquinas com jogos de fortuna ou azar. 
O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal de Penafiel, ontem, dia 6 de maio, constituiu arguido, um homem de 24 anos, por furto de um ciclomotor, no concelho de Paços de Ferreira. No decorrer de uma investigação, os militares recuperaram um ciclomotor, apurando que o mesmo tinha sido furtado em meados do mês de fevereiro, na localidade de Lordelo, Paredes. 
O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Especificas de Penafiel, no dia 2 de maio, deteve um homem de 62 anos, pelo crime de violência doméstica, no concelho de Paredes.
O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal de Penafiel, ontem, dia 29 de abril, deteve um homem de 25 anos, por posse e tráfico de droga, no concelho de Paredes. No âmbito de uma investigação que durava há cerca de seis meses, relacionada com a prática do crime de tráfico de estupefacientes, a GNR apurou que o indivíduo dedicava-se à plantação de cannabis no interior das suas residências, para posteriormente proceder à sua venda direta a consumidores, utilizando para o efeito estufas dotadas de sistema de ventilação e aquecimento. O suspeito para além da venda do estupefaciente por ele produzido (folha de cannabis), ainda vendia haxixe e MDMA.
Pág. 1 de 2